Finanças

Tribunal de Contas valida IEGM da gestão municipal de Rosário

A Prefeitura de Rosário recebeu, na manhã de terça-feira (22), a equipe do Tribunal de Contas do Estado para validação do Índice de Efetividade da Gestão Pública Municipal – IEGM de 2017, com objetivo de garantir a melhoria do processo de gestão. A reunião aconteceu no gabinete da prefeitura, na presença dos contadores municipais Nilton Prazeres e Ronaldo Filho e dos auditores fiscais Giordano Mochel e Robson Gama.

O IEGM é a ferramenta aplicada pelos Tribunais de Contas há três anos em todo o Brasil. A metodologia de auditoria é feita por meio de apresentação de questionário de avaliação em diálogo com secretários e profissionais diretamente envolvidos na prestação de contas e serviços do município, como explica o auditor fiscal Giordano Mochel.

“A validação do índice tem finalidade pedagógica aos gestores. Ele não é punitivo. Já é o terceiro ano que realizamos a avaliação para orientar os gestores em boas práticas e efetividade na gestão. Somente o Maranhão e o Acre realizam essa avaliação de todos os municípios de seus respectivos estados”, disse Giordano Mochel.

Ao longo de pouco mais de três horas, os auditores do TCE puderam debater com os contadores municipais dados relativos às áreas estratégicas de Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Cidades Protegidas e Governança de Tecnologia da Informação. “Incluímos também a avaliação do desenvolvimento regional, com metodologia de avaliação em parceira com o Sebrae”, lembrou Giordano.

“Através do relatório do IEGM, o município de Rosário seguirá as normas e indicadores para modificar e melhorar o sistema da gestão pública, qualificando os serviços prestados em todas as áreas e aumentando os indicadores. Tudo isso retorna em mais recurso e desenvolvimento para a cidade”, complementou Nilton Prazeres, contador do município.

 

O resultado final será um diagnóstico da gestão pública nos municípios brasileiros que será disponibilizado online para toda a população.


 

Mais em Finanças


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!