Cidadania

Rosário realiza recolhimento de embalagens de agrotóxicos no município Publicada em 10/11/2017 18:26:41

 

A ação, que faz parte do Sistema Nacional Campo Limpo, também foi executada nos municípios de Raposa e Paço do Lumiar

Nesta sexta-feira, 10, a Prefeitura de Rosário, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Pesca, promoveu um mutirão para recolhimento de embalagens de produtos utilizados na produção rural nos campos, os famosos agrotóxicos. A ação é uma parceria com o Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (INPEV), a Associação do Comércio Agropecuário do Piauí, (ACAPI) e a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED).

O recolhimento começou às 7h30 da manhã e seguiu até às 12h30. Segundo a prefeita Irlahi Moraes (PMDB), trata-se de uma iniciativa de extrema importância, pois contribui para o sucesso do Sistema Campo Limpo, programa de cunho nacional que, em 15 anos, destinou corretamente mais de 450 mil toneladas de embalagens vazias de defensivos agrícolas em todo Brasil. “É uma ação que reforça a importância da destinação correta do lixo agrícola, dando maior segurança ao produtor rural, às famílias, aos animais e ao próprio solo”, destaca.

De acordo com o secretário municipal de Agricultura, Abastecimento e Pesca, Valter Costa, atualmente, o destino das embalagens de agrotóxicos não tem sido adequada em 100% dos casos. Ele revela que muitos agricultores deixam os recipientes jogados no campo ou, pior, reutilizam para as mais diversas finalidades. “Isso acontece por eles não saberem dos perigos, tanto que alguns utilizam as garrafas para armazenar água potável, o que é um risco para a saúde, pois estes produtos sao cancerígenos”, afirma Valter.

Segundo o gestor regional da AGED, Marcelo de Abreu Falcão, hoje ninguém mais produz com objetivo, apenas, de consumo próprio, mas, também, de comercialização. Daí é fundamental que sejam desenvolvidas políticas específicas para a área agrícola e o repasse de informações sobre o descarte das embalagens de agrotóxicos deve ser uma das prioridades. “Isso porque a utilização inadequada destes recipientes é um risco para o próprio solo, devido à possibilidade de contaminação”. 

 

Conscientização

O recolhimento de embalagens vazias de agrotóxicos foi realizada na sede da própria Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Pesca. Segundo o vice-prefeito de Rosário, Douglas Sena, a ação faz parte dos projetos desenvolvidos pela Secretaria de Agricultura e Pesca que vêm trazendo inúmeros benefícios à produção rural. “E não sou eu quem está atestando isso. São os próprios agricultores, que percebem os avanços no campo”, destaca. 

Além do recolhimento do material, foram realizadas palestras de orientação aos agricultores. “Por isso pedimos a todos que tragam os documentos de identidade e CPF, para cadastro”, solicita Valter Costa. 

Mais em Cidadania


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!